-->


 

Turismo - 01/03/2019 - 17:28:02

 

Turismo interno deve girar R$ 3,5 bilhões no estado do Rio de Janeiro

 

Da Redação com Abr

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro


O turismo interno será responsável pela movimentação de R$ 3,5 bilhões no estado do Rio de Janeiro durante o carnaval, segundo pesquisa do Instituto Fecomércio RJ de Pesquisas e Análises, divulgada hoje (1º), pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado Rio de Janeiro (Fecomércio RJ). A pesquisa foi realizada no período de 21 a 25 de fevereiro, com 500 consumidores de todo o território fluminense. O tíquete médio será de R$ 1,5 mil por pessoa, durante todo o carnaval.

“É um volume que surpreendeu. Foi bem positivo”, disse o economista-chefe da Fecomércio RJ, João Gomes. Para ele, o Rio de Janeiro começa a demonstrar “uma certa recuperação”. Essa injeção financeira na economia fluminense será dada por 18,2% da população fluminense adulta, representando o deslocamento de 2,3 milhões de moradores dentro do estado.

“Pelo menos na parte do lazer, há uma propensão ao gasto muito forte. A gente pode dizer que nesse primeiro trimestre, avança tudo para que a expectativa continue positiva em relação à economia”, disse Gomes.

Na avaliação do secretário de estado de Turismo do Rio de Janeiro, Otavio Leite, a pesquisa aponta para o reaquecimento da atividade turística no Rio de Janeiro. "A pesquisa revela a importância do carnaval como um período de diversão ou descanso para uma população que circula e consome serviços nesse período. Esse é um fértil movimento que faz girar a roda da economia, gerando renda de forma espalhada, e empregos, mesmo que sazonalmente”, disse o secretário.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias



STF aprova compartilhamento total de dados financeiros da Receita Federal com o MP sem autorização judicial


CONSIDERAÇÕES ACERCA DA PUBLICAÇÃO DA FOLHA DE S. PAULO


Recadastramento de telefones pré-pagos termina hoje,18, para 17 estados


Orlando Morando inaugura novo trecho do corredor Alvarenga


Medida Provisória acaba com o DPVAT


Senado aprova PEC que adia quitação de precatórios