-->


 

Autos - 26/07/2018 - 10:45:09

 

Gol e Voyage recebem câmbio automático pela 1ª vez

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Gol e Voyage automáticos receberam o mesmo motor e câmbio adotados recentemente em Polo e Virtus. A caixa de seis velocidades tem aletas para troca de marcha atrás do volante de série

Gol e Voyage automáticos receberam o mesmo motor e câmbio adotados recentemente em Polo e Virtus. A caixa de seis velocidades tem aletas para troca de marcha atrás do volante de série


Esse mesmo conjunto de motor e transmissão foi aplicado recentemente nos VW Polo e Virtus. As opções automáticas fazem parte de um plano de investimentos de R$ 7 bilhões da Volkswagen no País, que resultará em 20 lançamentos até 2020 - nessa conta já estão incluídos Polo, Virtus, Amarok V6, Tiguan Allspace e, agora, as versões automáticas de Gol e Voyage. 

Há cerca de um ano, a consultoria Jato Dynamics revelou que as transmissões automáticas já estavam em 40% dos automóveis vendidos no Brasil. É provável que este número já tenha subido alguns pontos porcentuais, até pelo aumento da oferta. "Acreditamos que chegue a 60% das vendas em 2020", diz o presidente e CEO da Volkswagen para a América do Sul e Brasil, Pablo Di Si. Essa mesma caixa automática de seis velocidades (fornecida pela japonesa Aisin) equipa no Brasil carros da PSA Peugeot Citroën e da FCA Fiat Chrysler, por exemplo.

No primeiro semestre, o Gol teve 32,5 mil unidades vendidas, 10% a menos que no mesmo período do ano passado. No caso do Voyage, os 15,3 mil emplacados resultaram em queda de 17% na comparação interanual. Os dois perderam espaço dentro da própria rede VW para os novatos (e mais avançados) Polo e Virtus. A opção automática dos veteranos não deve recuperar as vendas perdidas em 2017, mas ajudará a Volkswagen a consolidar o segundo lugar em venda de automóveis e comerciais leves no País.

POUCO EQUIPADOS DE SÉRIE

Além da nova transmissão, Gol e Voyage automáticos trazem de série poucos itens relevantes, entre eles aletas para troca de marcha atrás do volante, ar-condicionado, direção hidráulica e alerta de frenagem de emergência. As travas elétricas das portas são de série, mas a chave do tipo canivete é opcional, assim como a coluna de direção ajustável e o acionamento elétrico para os vidros traseiros e retrovisores. 

Com os pacotes possíveis de opcionais o preço sobe até R$ 5,1 mil e inclui, entre outros itens, rodas de liga leve, alarme, faróis de neblina, sensor traseiro de estacionamento, volante multifuncional, sistema multimídia e computador de bordo.

Os carros são muito agradáveis de guiar. A reportagem dirigiu as novas opções por mais de 100 quilômetros e teve uma boa impressão. Mesmo com a alavanca na posição D as trocas de marcha são rápidas e o câmbio não demora a encontrar a marcha mais apropriada quando a velocidade cai ou surge uma subida. 

O câmbio automático também conta com o modo de acionamento esportivo (posição “S”), que estica um pouco mais cada uma das marchas, proporcionando aceleração mais rápida. 

De acordo com a Volkswagen, o Gol automático acelera de zero a 100 km/h em 10,1 segundos e chega a 185 km/h de velocidade máxima. O Voyage alcança os 100 km/h em 10,2 segundos e vai a 190 km/h. 

Outras mudanças chegam para a linha 2019 de Gol e Voyage além do novo conjunto motor-câmbio. Na parte frontal, o capô está mais alto e tem duas linhas que se conectam aos faróis maiores. O para-choque dianteiro tem grandes entradas de ar na parte de baixo.

Para os dois carros, as versões disponíveis agora são 1.0 manual (84 cv e cinco marchas), 1.6 manual (104 cv e cinco marchas) e as 1.6 automáticas lançadas agora. É preciso recordar que o hatch e o sedã já contaram com a opção automatizada I-Motion, sistema que na prática funciona como um câmbio automático, mas é composto por uma caixa manual, com embreagem inclusive, mas as trocas de marcha são robotizadas. O novo câmbio fornecido pela Aisin utiliza o conversor de torque das transmissões automáticas convencionais.

Com Automotive Business

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias



Justiça Federal concede liberdade a vereadora de Santo André Elian Santana, SD


STJ solta petistas acusados de tentar matar manifestante anti-Lula


Átila, prefeito de Mauá, é preso novamente e PF faz buscas em gabinetes de 22 vereadores


Ramon Ramos será o presidente da Câmara de São Bernardo no biênio 2019/2020


Atirador de Campinas trabalhou como auxiliar da Promotoria de SP


Atirador mata quatro pessoas na Catedral de Campinas e se suicida