-->


 

Nacional - 28/12/2011 - 22:22:09

 

MPF-CE pede que Inep divulgue critérios de correção do Enem

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.


O Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) pediu em uma ação civil pública que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) explique os critérios de correção das provas objetivas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

O Inep afirma que a nota do Enem é calculada na Teoria da Resposta ao Item (TRI), que classifica o valor das questões de acordo com três critérios: Poder de discriminação ("capacidade de um item distinguir os estudantes que têm a proficiência requisitada daqueles quem não a têm", segundo nota do instituto divulgada no dia 22); grau de dificuldade; possibilidade de acerto ao acaso (chute).

Contudo, segundo o Inep, o instituto precisa explicitar o conteúdo dos critérios de avaliação - por exemplo, ao deixar claro quais são as questões consideradas difíceis e quais são as fáceis.

;

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

Muitos candidatos questionam as notas publicadas na semana passada. O pedido foi feito na segunda-feira.

Links
.
.
Vídeo


Últimas Notícias



Milton Ribeiro é nomeado o novo ministro da Educação


Presidente Bolsonaro é diagnosticado com coronavírus


Sete em cada 10 brasileiros acreditam que mudanças climáticas são um problema tão sério quanto a Covid-19, mostra Ipsos


Íntegra do depoimento de Sérgio Moro na Polícia Federal


Com Cartão Merenda Escolar, São Bernardo vai oferecer auxílio-alimentação a 82 mil alunos


Autônomo pode baixar aplicativo a partir de hoje para renda de R$ 600